O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol divulgou esta sexta-feira o seu mapa de castigos, do qual constam vários castigos que derivam da confusão que se instalou no final do encontro entre Estoril e Lexões, no qual o conjunto 'canarinho' acabou por garantir a conquista do título de campeão da Liga Revelação.

Se, dentro de campo, o Estoril venceu por 2-0, no que a castigos diz respeito o clube de Matosinhos goleou, com oito elementos punidos. O jogador do Leixões Isnaba Graça foi punido com quatro jogos de suspensão, o colega André Lacximicant foi castigado em dois jogos e Mario Júnior com uma partida. Ainda na turma de Matosinhos, o guardião Gonçalo Tabuaço viu ser-lhe aberto um processo disciplinar, com 30 dias de suspensão preventiva, com castigo idêntico para o guarda-redes Hugo Costa e para o defesa Vasco Lara.

Quanto ao treinador do Leixões, José Augusto Faria, foi também ele alvo de um processo disciplinar e 30 dias de suspensão preventiva, tal como o técnico-adjunto, Gilson Souza.

O Conselho de Disciplina da FPF abriu processos disciplinares a Estoril e Leixões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.