A vida de Thierry Henry no Mónaco não está a ser fácil. O antigo internacional francês que sucedeu no cargo ao português Leonardo Jardim ainda não ganhou nenhum jogo desde que chegou ao comando técnico dos monegascos.

Este fim de semana houve mais um episódio negativo nesta campanha. O Mónaco foi goleado em casa pelo Paris Saint-Germain (0-4) e ocupa atualmente o penúltimo lugar da Ligue 1.

Apesar deste arranque menos positivo, Thierry  Henry recebeu um voto de confiança de Vladimir Vasilyev, vice-presidente do Mónaco.

"O Thierry foi contratado para o longo prazo, não para o imediato. Ele não é o bombeiro de serviço. Caso contrário, deveríamos ter escolhido outro perfil de treinador. Tem faltado confiança e sorte", disse Vasilyev ao Canal+.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.