O Lyon ameaça recorrer da decisão de hoje da liga francesa de pôr termo definitivo ao campeonato francês de futebol e reivindicar danos que contabiliza na ordem das várias dezenas de milhões de euros.

"Tendo em conta a decisão de hoje da Liga de terminar o campeonato, o Olympique de Lyon reserva-se o direito de recorrer desta decisão e reivindicar danos aos seus interesses, especialmente em termos de perda de possibilidade [de lutar por um lugar melhor] e à luz da uniformização de jurisprudência em relação a outros desportos profissionais atualmente em atividade, prejuízos esses que se elevam a várias dezenas de milhões de euros", pode ler-se no comunicado hoje emitido pelo clube francês na sua página na internet.

Segundo a interpretação do Lyon, a posição tomada pelo Governo, através do Primeiro-Ministro, Edouard Philippe, na Assembleia Nacional, não parecia impor de maneira proibitiva uma paragem tão definitiva da I e II Ligas, tendo também em conta as declarações da ministra dos Desportos, Roxana Maracineuau, que tinha aludido à possibilidade de se jogar em agosto se a evolução da situação sanitária assim o permitisse.

O clube de Lyon revela que apresentou uma proposta na terça-feira para que a Liga estudasse uma solução alternativa que permitiria "terminar o campeonato e preservar preservaria a imparcialidade inerente a qualquer competição desportiva, indo ao encontro das propostas da UEFA baseadas no mérito desportivo de acordo com princípios objetivos, transparentes e não discriminatórios".

Ainda de acordo com o Lyon, a solução que apresentou, compartilhada por outros clubes, assenta no princípio de ‘play-offs’ e de ‘play-downs', da conquista adquirida do título por parte do Paris Saint-Germain, de um calendário limitado a três semanas em conformidade com as restrições por razões de saúde e de uma fórmula inovadora suscetível de atrair o interesse das apostas desportivas e dos parceiros económicos ligados à indústria do futebol.

"Esta solução permitiria de forma objetiva atender ao desejo da UEFA para que competições da época 2019/20 cheguem ao fim", conclui o comunicado do Lyon, que felicita o PSG e o Lorient, hoje proclamados campeões da I e II Ligas, e expressa o desejo do campeonato feminino, liderado por si, ter a mesma consagração.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.