O Paris Saint-Germain (PSG), com os internacionais lusos Nuno Mendes e Danilo no ‘onze’, empatou hoje 2-2 na receção ao Troyes, na 36.ª jornada da Liga francesa de futebol, e somou a terceira igualdade consecutiva.

A equipa parisiense cedo chegou a uma vantagem de dois golos, aos seis e 25 minutos, através do central brasileiro Marquinhos, após assistência do argentino Ángel Di María, e do brasileiro Neymar, de penálti.

No entanto, a esta entrada forte seguiu-se um certo relaxamento dos jogadores da casa, que custou, ainda antes do intervalo, a reentrada do Troyes na luta pelo resultado, graças a um golo do avançado canadiano Ike Ugbo, aos 30 minutos.

No início da segunda parte, a equipa visitante conseguiu mesmo igualar a partida, aos 49 minutos, pelo médio Florian Tardieu, e o PSG não conseguiu até final voltar a assumir a dianteira do marcador.

Noutro jogo de hoje da 36ª jornada, o Metz, lanterna-vermelha do campeonato, recebeu e venceu o Lyon, por 3-2, com a equipa que eliminou o FC Porto da Liga Europa a comprometer seriamente o seu apuramento para as competições europeias, o que configura uma época desastrosa.

O internacional português Anthony Lopes foi titular na baliza do Lyon, jogou os 90 minutos, mas não conseguiu evitar a derrota da sua equipa.

Com este triunfo, o Metz deixou o último lugar e ainda alimenta aspirações de se manter entre os grandes do futebol francês a duas jornadas do fim.

Entretanto, o Angers goleou por 4-1 na receção ao Bordéus, que passou a ser o novo último classificado, o Clermont recebeu e venceu o Montpellier, por 2-1, o Lens foi vencer a Reims, por 2-1, e mantém ainda a ambição de chegar aos lugares europeus, e o Marselha ganhou de forma concludente, por 3-0, no terreno do Lorient e recuperou o segundo lugar em detrimento do Mónaco.

Pela formação do Angers foi titular o médio português Pereira Lage, que seria substituído aos 90+1 pelo defesa costa-marfinense Abdoul Bamba, e pelo Bordéus alinhou o seu compatriota Rui Mangas, que jogou os 90 minutos.

O triunfo do Lens em Reims teve o contributo do jovem português David Costa, de 21 anos, que foi titular e acabaria por ser substituído pelo congolês Gael Kakuta, aos 64.

Após a 36.ª jornada, o já consagrado campeão PSG lidera com 80 pontos, seguido do Marselha, com 68, do Mónaco, com 65, do Rennes, com 62, do Estrasburgo, com 60, os mesmos do sexto classificado, o Nice, do Lens, com 58, e do Lyon, oitavo, com 55.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.