O Miami MLS só pode integrar a Major League Soccer a partir de 2020, mas David Beckham, um dos proprietários do clube, já está em campo para garantir jogadores e equipa técnica de elevada categoria para o seu ambicioso projeto.

Segundo a imprensa inglesa, Carlo Ancelotti é o nome que o ex-futebolista quer ter no banco de suplentes para comandar a equipa. Outros dois técnicos que estão nesta lista são Zinedine Zidane, antigo colega de Beckham no Real Madrid, e Bruce Arena, que treinou o antigo internacional inglês quando jogava nos La Galaxy.

David Beckham é ambicioso e quer ter no ‘seu’ Miami MLS várias estrelas do futebol mundial, entre elas Cristiano Ronaldo e Wayne Rooney.

Se a contratação de Rooney, antigo colega de Beckham no Manchester United, se afigura menos difícil uma vez que o inglês termina contrato com o Everton em 2019, a de Cristiano Ronaldo pode ser muito complicada.

Em 2020, o português terá 35 anos e mais um ano de contrato com o Real Madrid, mas CR7 sempre disse que quer terminar a carreira nos “merengues”, e, segundo notícias mais recentes, estará a negociar a renovação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.