A 25 de Maio de 1947, Portugal recebeu a Inglaterra, num encontro particular, acabando a equipa orientada por Tavares da Silva por sair do Estádio Nacional com uma goleada de 10-0.

Em Madrid, 13 anos antes, tinha sido a Espanha a aplicar uma pesada derrota por 9-0, tornando-se a primeira equipa a marcar nove golos a Portugal, façanha repetida em 1953 pela Áustria, que venceu em casa por 10-0.

Antes da goleada sofrida a 19 de Novembro de 2008, em Brasília, com o Brasil, por 6-2, Portugal tinha estado 25 anos sem sofrer cinco ou mais golos, sendo que, em 1983, a União Soviética derrotou a selecção portuguesa por 5-0, em Moscovo, resultado que não impediu os lusos de irem ao Euro1984 da França.

Nos resultados mais volumosos conseguidos pela selecção portuguesa em 499 jogos, o Liechtenstein surge em plano de destaque, com três goleadas por sete ou mais golos.

A equipa do pequeno principado perdeu por 8-0 em 1994 e 1999, resultado que ainda é um recorde de golos marcados por Portugal, igualado num particular frente ao Kuwait, em 2003.

Das goleadas conseguidas nos últimos anos, destaque para os 7-1 “aplicados” à Rússia, no apuramento para o Mundial2006.

O actual seleccionador português, Carlos Queiroz, estreou-se no regresso à selecção com dois triunfos folgados, frente às Ilhas Faroe (5-0) e a Malta (4-0).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.