No particular de preparação para o Mundial 2010, na Covilhã, Portugal venceu os Camarões 3-1, mas a noite só não foi perfeita devido à "traição" de Webo, que cabeceou entre Ricardo Carvalho e Rolando, fazendo na altura o 2-1.

Nos últimos oito encontros, cinco dos quais de apuramento para o Mundial 2010, Portugal não sofreu qualquer golo e a equipa de Carlos Queiroz ficou perto de igualar o melhor desempenho da história.

Desde o empate a uma bola na Dinamarca, a 5 de Setembro de 2009, que Portugal não concedia qualquer golo, somando vitórias sobre a Hungria (1-0 e 3-0), Malta (4-0), Bósnia-Herzegovina (1-0 e 1-0) e China (2-0) e um empate com Cabo Verde, na segunda-feira, no primeiro jogo de preparação para o Mundial da África do Sul.

Com o tento de Webo, Vítor Baía continua com lugar único na história, pois esteve 761 minutos sem sofrer qualquer golo, enquanto o actual dono da baliza portuguesa, Eduardo, se ficou pelos 722, tendo falhado metade do confronto com a China.

Carlos Queiroz detém ainda uma das terceiras melhores séries da “equipa das quinas” sem sofrer golos data de há 17 anos, quando a baliza lusa manteve durante cinco encontros a baliza inviolada.

Em 2005, durante a caminhada para o Mundial2010, sob o comando do brasileiro Luiz Felipe Scolari, Portugal também somou cinco encontros sem golos sofridos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.