Fernando Hierro, ex-defesa central de La Roja, na década de 1990 e inicio de 2000, é actualmente director desportivo da Federação espanhola de futebol. Com a sua selecção entre as favoritas, “a atravessar um período de confiança””, a coroação de um Mundial seria perfeita.

“Nos últimos dois, três anos a Espanha ocupou muito espaço no mapa do futebol com vitórias na Liga dos Campeões e na Taça UEFA ao nível de clubes. "La Roja" sagrou-se campeã da Europa e é claro que um triunfo no Mundial seria uma coroa dourada. Mas tenho bem claro que na África do Sul o passado não nos vai dar nada”, frisou.

Quanto à qualidade do plantel de “nuestros hermanos”, é indiscutível:  “Há 23 jogadores de um nível fantástico. No mesmo grupo junta-se a experiência, a juventude, uma incrível variedade e uma polivalência que nos permite ter várias soluções ofensivas. É um grupo muito completo, foi uma convocatória muito bem pensada, gente com muita calma e muita tranquilidade a jogar futebol”.

Com o Brasil no grupo, outro dos favoritos à conquista do ceptro, Portugal deverá lutar pelo segundo lugar. E se no Grupo H, a Espanha passar em primeiro haverá duelo ibérico nos “oitavos”.

“Portugal tem uma magnífica selecção, com jogadores determinantes, cheios de experiência. É preciso ver em que clube joga cada um deles. Aqui ninguém dá nada a ninguém. Portugal está aí e pode surpreender qualquer equipa do Mundo. Temos muito respeito por Portugal”, explicou.

E quanto a Ronaldo não tem as mínimas dúvidas, mesmo com o capitão das quinas a não convencer os adeptos lusos quando actua na selecção.

Quem é que vai descobrir agora a qualidade futebolística do Ronaldo? É um grandíssimo jogador, fantástico. Quem quiser discutir isso, que discuta. Mas para mim não há qualquer dúvida”, disse, sem hesitar.

Portugal e Espanha estão na "luta" pela organização de um Mundial, com a candidatura ibérica a concorrer para 2018 e 2022.

"Todos temos a ilusão. Temos uma candidatura interessante, de primeiro nível e oxalá tenhamos a sorte de nos concederem um dos dois mundiais [2018-2022]", sublinhou.

A Espanha está no Grupo H, juntamente com Suiça, Chile e Honduras. A estreia dos actuais campeões da Europa será quarta-feira, frente à Suiça.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.