“O Comité de Disciplina decidiu, depois de analisar o caso, que não há justificação para se abrir um inquérito a David Villa", anunciou o porta-voz da FIFA, Pekka Odriozola, acrescentando que “não encontrou motivos para castigar o avançado”.

David Villa, num lance sem bola, dentro da área hondurenha, deu uma bofetada a Izaguirre sem que o árbitro Yuichi Nishimura se apercebesse.

O agora jogador do Barcelona foi o autor dos dois golos no triunfo da Espanha sobre as Honduras, no Grupo H.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.