O avançado português Diogo Jota esteve esta sexta-feira com os seus colegas da seleção nacional. Impedido de participar no Campeonato do Mundo devido a lesão, o internacional luso esteve junto da equipa e realçou o bom ambiente que se vive.

"Senti um ambiente normal, como poderia estar após duas vitórias e com a qualificação garantida. O jogo de hoje é importante, mas o mais importante já está conseguido. O ambiente é fantástico, respira-se confiança, nestas competições o fator confiança é importante", afirmou Jota aos microfones da SIC.

Apesar das várias alterações feitas por Fernando Santos no onze inicial, Diogo Jota acredita que a equipa vai corresponder e alcançar a vitória.

"Se há coisa que temos é opções. Tanto eu como o mister acreditamos que todos podem jogar, se assim não fosse ele não fazia alterações. Os que vão lá para dentro vão corresponder e nós vamos ganhar", disse.

O jogador do Liverpool aproveitou ainda para confessar alguma tristeza por não poder dar o seu contributo à equipa portuguesa, mas espera que Portugal mantenha o bom nível que tem vindo a demonstrar.

"É difícil, é um duro golpe, sabia que podia cá estar a jogar. Estou a apoiar, é o possível, felizmente para mim e para todos nós a Seleção está num grande nível e espero que assim continue", rematou.

Portugal mede forças com a Coreia do Sul, às 15 horas. E pode seguir aqui todas as incidências da partida AO MINUTO

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.