A Argentina perdeu o jogo de quinta-feira com a Croácia (3-0) e o jornal espanhol Mundo Deportivo avança que os jogadores querem a saída do selecionador, Jorge Sampaoli. Depois do final do jogo, os jogadores dirigiram-se à AFA (Federação Argentina de Futebol) para exigir a demissão imediata do técnico.

A saída do selecionador da Argentina pode mesmo acontecer ainda antes do jogo frente à Nigéria na terça-feira. Essa partida é a última hipótese da seleção argentina de passar aos oitavos-de-final da competição, mas para isso não depende só de si.

Na estreia deste Mundial, a Argentina empatou com a Islândia e no segundo jogo perdeu com a Croácia, o que significa que a seleção de Lionel Messi só tem um ponto nesta fase de grupos. Enquanto os croatas somam seis pontos, a Islândia tem um ponto, mas joga esta tarde com a Nigéria, que ainda não pontuou. Para passar à próxima fase do Campeonato do Mundo, a Argentina precisa de ganhar e de esperar que a Islândia perca os dois jogos que lhe faltam.

Se a saída de Jorge Sampaoli se confirmar, o selecionador deve ser substituído pelo adjunto Jorge Burruchaga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.