O avião que transportava a selecção nacional aterrou no aeroporto da Portela às 05:56 e os jogadores foram saindo. Lá fora, cerca de 30 pessoas aguardavam a equipa das quinas, uns apoiando outros manifestando os seu desagrado para com Carlos Queiroz.

No entanto, o seleccionador nacional, que falou aos jornalistas à saída da sala VIP do aeroporto, reafirmou que se mantém à frente da equipa das quinas, que em Setembro começa a fase de apuramento para o Europeu de 2012.

Carlos Queiroz voltou a sublinhar que Portugal perdeu “frente à segunda melhor equipa do ranking da FIFA e actual campeã europeia”, mas isso não invalida que “a equipa se sinta triste”. Quanto à atitude de Cristiano Ronaldo, Queiroz não comentou, apenas dizendo “que em Setembro serão dadas as respostas”, altura em que começa o apuramento para o Euro2012.

O sonho luso de continuar no Mundial foi desfeito pela Espanha, quando David Villa, ao minuto 57, fez o único golo da partida que ditou o afastamento dos portugueses.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.