O momento esperado decorreu no desafio de reservas com o Fulham, no qual Bosingwa jogou 55 minutos e que terminou com a derrota do Chelsea (2-0).

A lesão sofrida em outubro de 2009, na visita ao Aston Villa, afastou o luso da seleção no Mundial2010 e impediu-o de dar o contributo aos “blues”, que mesmo assim se sagraram campeões de Inglaterra.

“Mostrou alguns ‘flashes’ da sua energia ofensiva e precisão nos cruzamentos”, pode ler-se no site do Chelsea no comentário ao seu regresso à competição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.