Com o Liverpool já campeão, e com o City a servir de guarda de honra, este encontro serviria para a equipa de Pep Guardiola mostrar que tinha valor para se bater com os reds.

E a demonstração não podia ter sido mais evidente. Quatro golos sem resposta, num encontro em que Bernardo Silva e João Cancelo saíram do banco na segunda parte.

O City acabou por fazer uma exibição excepcional, com tabelinhas e dinâmicas perfeitas, que desmontaram o conjunto de Jurgen Klopp.

De Bruyne foi o homem da batuta, Sterling e Phil Foden geniais na hora de fazer a diferença.

O Liverpool foi a primeira equipa a criar perigo num remate ao poste de Salah, 20´.

Mas foi o City a chegar à vantagem ao minuto 25´, numa grande penalidade convertida por Kevin De Bruyne.

Veja o golo

Ao minuto 35´, Raheem Sterling dilatou a vantagem, num remate quase no buraco da agulha.

Veja o golo

Em cima do intervalo, foi Phil Foden a dilatar ao minuto 45´. Grande jogada dos 'Citizens', com o jovem jogador a finalizar da melhor forma.

Veja o golo

Ao minuto 66´, Oxlade-Chamberlain atirou para a própria baliza, depois de uma grande jogada, mais uma do conjunto da casa.

Em cima do final da partida, Mahrez marcou um golo de sonho com jogada de antologia, mas acabou por ser anulado.

Ver o golo

O Liverpool tem agora 20 pontos de vantagem sobre o City.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.