Tony Cascarino considera que Cristiano Ronaldo e Bruno Fernandes não deviam jogar juntos no Manchester United, explicando que não ajudam a equipa a defender. O antigo internacional irlandês diz mesmo que que o treinador Ole Gunnar Solskjaer deveria apostar em Cavani e Ronaldo e deixar o ex-Sporting no banco.

"Solskjaer tinha a esperança que os jogadores iam ajustar o seu jogo às necessidades de Cristiano Ronaldo. O resto da equipa tem de pagar o preço de ter Ronaldo. É a mesma situação de Portugal no Europeu. Ronaldo e Bruno Fernandes não defendem do mesmo lado. Assim é muito fácil jogar contra eles e Bruno Fernandes é o único que pode ser mexido. Solskjaer tem a perfeita opção com Edinson Cavani. No Paris Saint-Germain, ele fez o mesmo trabalho duro para Neymar e Mbappé. Tal como Benzema fez para Ronaldo no Real Madrid", disse o antigo avançado, hoje com 59 anos, em declarações ao The Times, reproduzidas pelo jornal A Bola.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.