“Tenho o prazer de anunciar que assinei um contrato de longo prazo para permanecer no Arsenal”, escreveu o defesa formado no Sporting, na sua página do Twitter.

Na mesma publicação, Cédric não esconde a “frustração pela forma como as lesões o mantiveram fora do campo até agora”, contudo assegura “estar a trabalhar no máximo para voltar o mais rápido possível”.

O campeão da Europa por Portugal em 2016 recupera atualmente de uma fratura no nariz e ainda não conseguiu vestir a camisola do clube londrino em jogos oficiais.

Cédric Soares, de 28 anos, jogava desde 2015/16 nos ‘saints’, que o cederam em 2018/19 ao Inter Milão e esta temporada ao Arsenal. Antes, o lateral cumpriu praticamente toda a carreira no Sporting, com a exceção da época 2011/12, em que alinhou na Académica, por empréstimo dos ‘leões’.

Além do título de campeão europeu conquistado pela seleção portuguesa, em 2016, Cédric Soares conta no currículo com duas Taças de Portugal, uma erguida ao serviço da ‘briosa’ e outra pelo Sporting.

“O Cédric vai ser um jogador importante. Tem sido infeliz com as lesões, mas está próximo de regressar e isso dá-nos mais força na lateral direita”, afirmou o diretor técnico dos londrinos, Edu, citado pelo clube.

Além de Cédric, o defesa central brasileiro David Luiz, antigo jogador do Benfica, de 33 anos, prolongou o contrato até junho de 2021, enquanto Pablo Mari “vai completar a desvinculação do Flamengo e assinar um contrato de longo prazo assim que a ‘janela’ de transferências abra, no mês que vem”.

Após 30 jornadas, o Arsenal segue no 11.º lugar da Liga inglesa, com 40 pontos, menos 43 do que o líder Liverpool.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.