O Chelsea conseguiu hoje a vitória mais dilatada na história das suas visitas ao Southampton, com os ‘blues’ a saírem do St. Mary’s Stadium com uma goleada de 6-0, em jogo da 32.ª jornada da Liga inglesa de futebol.

A viver tempos difíceis, por serem propriedade do russo Roman Abramovich e face às sanções devido à invasão da Ucrânia, os ‘blues’ chegavam ao jogo desta jornada depois de mais uma semana complicada, em que foram goleados pelo Brentford e perderam com o Real Madrid, ambos em casa.

Em Southampton, a equipa londrina foi a antítese dos últimos dias e mostrou-se avassaladora: ao intervalo já vencia por 4-0, com golos de Marcos Alonso (oito minutos), Mason Mount (16), Timo Werner (21) e Kai Havertz (31).

Na segunda parte, num jogo em que até podia ter marcado mais, Werner, aos 49 minutos, e Mount, aos 54, ainda ‘bisaram’, levando a equipa à meia dúzia de golos.

O triunfo mantém o Chelsea mais seguro na terceira posição, com 62 pontos, mais seis do que o Tottenham e do que o Arsenal, com todos a terem dois jogos em atraso na Liga, mas num fim de semana em que os ‘gunners’ também jogaram e perderam.

A equipa de Mikel Arteta não atravessa uma boa fase, com três derrotas nos últimos quatro jogos, a última das quais hoje na receção ao Brighton (2-1).

Com Cédric Soares a titular e Nuno Tavares no banco, a equipa viu-se a perder com golos de Trossard (29 minutos) e Mwepu (66), e o mais que conseguiu foi reduzir a desvantagem, por Odegaard, já nos instantes finais (89).

Já para o Brighton, foi uma vitória muito importante, com a equipa, que está na 11.ª posição, a ganhar algum fôlego depois de sete jogos sem vencer, com seis derrotas e um empate desde a vitória em casa do Watford.

O mesmo Watford que hoje perdeu em casa com o Leeds United, por 3-0, num jogo importante na luta pela manutenção.

Na zona de descida estão Burnley, com 24 pontos, mas menos três jogos, Watford, com 22 e menos um jogo, e Norwich, com 18 e menos dois jogos, enquanto o Leeds, com as 32 jornadas completas, subiu ao 16.º lugar (33 pontos), a cinco do Everton, com 28 e menos dois jogos.

O jogo grande da jornada está reservado para domingo, entre os candidatos ao título Manchester City e Liverpool, e ainda hoje o Aston Villa (12.º) recebe o Tottenham (quarto).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.