O futebolista do Tottenham Dele Alli sofreu durante a madrugada desta quarta-feira ferimentos leves no rosto durante um assalto à casa situada no norte de Londres, onde permanece em confinamento com alguns familiares por causa da pandemia da COVID-19.

A informação acrescenta que os agressores conseguiram levar várias jóias e relógios antes de se colocar em fuga, mas a polícia já tem em sua posse as imagens gravadas pelas câmaras de segurança.

O jogador dos 'Spurs' estaria acompanhado pela namorada, pelo seu irmão, pela namorada do mesmo e por outro amigo, quando indivíduos encapuçados entraram na casa, agredindo o internacional inglês com socos, segundo avança o 'The Sun'.

Segundo o tabloide, os assaltantes agrediram ainda outro homem, ordenando depois que os presentes entregassem as peças de valor que tinham consigo.

"O Dele estava acordado e a jogar bilhar com os outros quando eles entraram na propriedade. Entrarem pelo rés de chão e Dele levou um soco na boca por um dos dois assaltantes", disse uma fonte ao jornal.

A polícia metropolitana de Londres, confirma o assalto, dando conta de terem sido levados "peças de joalharia, incluindo relogios".

"Dois dos presentes na propriedade sofreram pequenos ferimentos faciais depois do assalto. Não precisaram de tratamento hospitalar. Não houve detenções. A investigação continua em curso", disse a Met Police, citada pelo 'The Sun'.

Esta época ao serviço do Tottenham, Dele Alli soma nove golos em 35 jogos.

*Artigo atualizado às 23h07

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.