Didier Drogba vai parar durante três semanas depois de ter sido operado na última sexta-feira a uma lesão na virilha. O avançado falha o início da temporada do Chelsea.

A lesão afectou Drogba durante grande parte da temporada, mas só agora foi tratada uma vez que neste momento existe uma maior capacidade de recuperar totalmente, não prejudicando o Chelsea, clube do jogador, a nível desportivo.

A equipa inglesa já revelou, em comunicado oficial, que a cirurgia foi “minimamente invasiva”, terminando com “um sucesso”, acrescentando ainda que “a decisão de realizar a operação após o seu regresso do Mundial foi tomada de forma a maximizar o tempo de reabilitação e deverá estar de volta aos treinos em três semanas”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.