Depois do Everton ter perdido dez pontos na Premier League por ter violado as regras do fair-play financeiro, tem sido muito falado numa possível penalização do Manchester City devido aos investimentos que realizou nos últimos anos.

Pep Guardiola abordou, esta sexta-feira, as alegadas irregularidades financeiras com humor à mistura.

"Só vou poder responder a essa questão quando houver uma sentença. Por agora, somos inocentes. Há que esperar e ver o que acontece. Se formos culpados - e sei que há pessoas que desejam que assim seja -, daremos explicações na altura. Mas há mais possibilidades de eu ficar se descermos à League One (terceira divisão inglesa) do que se ganhar a Liga dos Campeões", brincou o treinador do Manchester City.

"São os advogados que têm de fazer a defesa perante o juiz. Não mudei de opinião, vamos esperar e aceitar as resoluções. Não sei o que aconteceu com o Everton, são casos diferentes, mas sei que há muita gente a dizer para o Manchester City descer de divisão. Já disse no passado e repito que, se tivermos feito algo errado, seremos castigados", concluiu na conferência de antevisão ao jogo frente ao Liverpool.

O Manchester City defronta, no sábado, às 12h30, o Liverpool, no Etihad, em jogo da 13.ª jornada da Premier League.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.