O Manchester United perdeu por 3-2 na deslocação a casa do Brighton e José Mourinho assumiu que a sua equipa cometeu erros básicos e foi severamente punida. No entanto, o técnico recusou-se a criticar os seus jogadores.

"Obviamente que não estava à espera de grandes erros. Não estamos a falar de pequenos erros, mas sim de grandes erros e fomos punidos por isso mesmo. Fizemos erros inacreditáveis em momento cruciais do jogo. Esses erros mataram-nos. Cometemos erros básicos e assim é uma missão impossível vencer um jogo. Especialmente no terceiro. Mesmo a perder por 2-1 ainda era possível, mas o terceiro golo matou a nossa equipa. O nosso segundo golo chegou muito tarde", disse em declarações à BBC.

"Quando falo sobre atuações individuais, e quando sou crítico para com os meus jogadores, vocês simplesmente não o aceitam. A imprensa e os comentadores normalmente são muito críticos para comigo quando vou nessa direção, por isso não me peças para ir nesse rumo, porque não é bom para mim. Por isso, terei todo o gosto em analisar os meus jogadores quando as suas atuações forem muito boas. Seria algo fantástico para mim vir para a frente da câmara dizer que o jogador A, B ou C esteve fantástico. Seria fantástico para mim. Quando não o podes fazer, não me obriguem a ir para o outro lado, porque não quero ir para o outro lado", afirmou à Sky Sports.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.