O campeão inglês de futebol Manchester City disse hoje que a investigação da UEFA por um alegado incumprimento do ‘fair play’ financeiro é “bem-vinda” uma vez que as acusações de que é alvo são falsas.

A investigação, anunciada hoje pela Câmara Adjudicatória do Comité de Controlo Financeiro de Clubes (CFCB), permitirá “encerrar a especulação que resulta de um ataque informático ilegal” e da “publicação de ‘e-mails’ do City fora do contexto”.

Em comunicado, o clube inglês diz ainda ter publicadas as suas contas e que as acusações de irregularidades são “totalmente falsas”, na sequência das notícias veiculadas pelo jornal alemão Der Spiegel.

O diário publicou uma série de documentos que apontam para uma 'injeção' de dinheiro no clube por parte do dono, Sheikh Mansour, acima do que é permitido pelas regras europeias, referindo-se ainda aos contratos de patrocínio do campeão inglês.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.