O Manchester City teve de 'puxar dos galões' para vencer no terreno do Huddersfield, por 1-2, equipa que, recorde-se, impôs a primeira derrota na Premier League ao Manchester United de José Mourinho.

A equipa da casa chegou a estar em vantagem, na sequência de um autogolo de Nicolás Otamendi em cima do intervalo.

Os 'citizens' chegaram ao empate logo ao início da segunda parte, com um penálti convertido por Aguero (47'). Aos 84', Sterling fez o 2-1 final, num lance afortunado para a equipa de Pep Guardiola: o guarda-redes do Huddersfield ainda conseguiu defender o remate de Gabriel Jesus, mas a bola acabou por ser desviada por Sterling e ressaltou para a baliza. Desta vez, o português Bernardo Silva não saiu do banco.

Com este resultado, o líder da competição volta a ter oito pontos de vantagem sobre o Manchester United.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.