A equipa do português Nani, que não integrou a folha de jogo, soma agora 37 pontos, tantos quantos os "blues" de Deco, Bosingwa, Ricardo Carvalho, Paulo Ferreira e Hilário. O Chelsea recebe quarta-feira o "lanterna vermelha" Portsmouth, em Londres.

Wayne Rooney (30 minutos) na conversão de uma grande penalidade fez o 12º golo no campeonato e inaugurou o marcador que o central sérvio Vidic ampliou de cabeça (43), com culpas para o guarda-redes.

Já no segundo tempo, e em jogo de sentido único, o extremo equatoriano António Valência sentenciou a partida com um disparo para o 3-0.

O Aston Villa continua a surpreender pela positiva e foi vencer o Sunderland, por 2-0, com tentos de Emile Heskey (24) e James Milner (61), resultado que lhe permitiu subir provisoriamente ao terceiro lugar com 32 pontos, mais um que o Arsenal que tem menos dois jogos.

O avançado inglês Cameron Jerome (12 e 48) foi o herói do Birmingham no triunfo, 2-1, sobre o Blackburn Rovers, que apontou o único golo por intermédio do defesa Ryan Nelson, aos 69 minutos.

Com o triunfo, o Birmingham subiu, à condição, ao sexto posto com 37 pontos, enquanto o Blackburn é 12º com apenas 19.

Num desafio entre aflitos, o Bolton Wonderers ganhou ao West Ham, por 2-1, com golos de Lee (69), do alemão Ivan Klasnic (77) e Gary Cahil (88), enquanto o tento dos forasteiros foi apontado pelo italiano Alessandro Diamanti (69).

O Bolton abandonou provisoriamente o penúltimo lugar (entregou-o ao rival, com 14 pontos) para subir ao 17º lugar com 16 pontos.

Quarta-feira disputam-se os jogos Chelsea-Portsmouth, Burnley-Arsenal, Tottenham-Manchester City e Liverpool-Wigan e a jornada fica completa a 05 de Janeiro com o Stoke City-Fulham.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.