O treinador português José Mourinho, campeão pelo Chelsea na época passada, procura no domingo entrar a ganhar na temporada futebolística 2015/2016, ao defrontar o Arsenal na Supertaça inglesa, reeditando o sucesso de 2005 frente ao rival londrino.

Dois golos do avançado costa-marfinense Didier Drogba, que acabou de rumar ao Impact Montréal, da liga norte-americana, depois de ter vivido uma 'segunda juventude' em Stamford Bridge, foram suficientes para os 'blues' se imporem por 2-1 aos 'gunners', que marcaram pelo espanhol Cesc Fàbregas, atual jogador do Chelsea.

José Mourinho conquistou daquela forma mais um troféu na sua primeira e muito bem sucedida passagem pelo clube londrino, frente ao treinador francês Arsène Wenger, que continua a orientar o Arsenal e, em 13 jogos frente ao técnico português, não venceu nenhum (sete derrotas e seis empates e saldo de 21-6 em golos).

Nopróximo domingo, no estádio do Arsenal, além de José Mourinho, não estará em campo mais nenhum português, ao contrário do que sucedeu na final de 2005, em que o lateral direito Paulo Ferreira foi totalista, o médio Tiago suplente utilizado e o central Ricardo Carvalho não saiu do banco de suplentes.

O técnico, que já se sagrou campeão europeu no FC Porto e no Inter de Milão, conquistou uma das quatro Supertaças inglesas que o Chelsea ostenta na sua galeria de troféus, menos nove do que o Arsenal, vencedor por 13 vezes, ambos longe do recordista Manchester United (20 títulos).

O confronto de há 10 anos foi também o único na prova entre os rivais londrinos, que mantiveram as principais referências, mas não fizeram contratações muito sonantes, destacando-se as entradas do avançado colombiano Radamel Falcao no Chelsea e do guarda-redes checo Petr Cech no Arsenal, proveniente de Stamford Bridge.

Tranquilos pela segurança proporcionada pelo guarda-redes Thibaut Courtois, os adeptos dos 'blues' esperam que o trio composto por Fàbregas, Eden Hazard e Diego Costa resolva os problemas ofensivos, enquanto no Arsenal as 'estrelas' são o médio Mesut Özil e o avançado Alexis Sánchez.

O jogo da final da Supertaça inglesa entre o Arsenal e o Chelsea está marcado para domingo, no Estádio Emirates, em Londres, com início às 15h00 horas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.