O treinador do Real Madrid, José Mourinho, manifestou na terça-feira o seu interesse na contratação do internacional inglês Wayne Rooney caso o Manchester United decida vender o jogador.
“Provavelmente quer sair por alguma razão, mas acredito que pertence ao Manchester United, pertence aos adeptos do Manchester United, pertence a Old Trafford”, afirmou o treinador português em declarações à Sky Sports.
Mourinho acredita que o avançado inglês, que tenta renegociar o seu contrato com o Manchester United, clube ao qual está ligado até 2012, vai permanecer em Inglaterra, mas caso isso não aconteça, garante que está atento.
“Se a determinada altura o Manchester United decidir que ele deve sair, então que me telefone. Todos vão estar interessados”, prosseguiu.
Na terça-feira, o treinador do Manchester United, Alex Ferguson, confirmou as notícias vindas a público na segunda-feira que davam conta da vontade de sair do jogador. O técnico escocês admitiu estar “chocado e desiludido”, mas explicou que não tem qualquer problema com o internacional inglês.
“Estamos tão confusos quanto as pessoas, não entendemos porque ele quer sair”, disse Ferguson na conferência de imprensa de antevisão para o jogo com o Bursaspor, para a Liga dos Campeões.
O escocês declarou que “a porta ainda está aberta” para Rooney, que se lesionou num tornozelo e vai falhar o compromisso com os turcos previsto para hoje. O contrato do avançado termina em 2012 e a imprensa britânica deu conta que Rooney rompeu as negociações para a renovação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.