A Liga Inglesa divulgou na tarde desta quinta-feira os valores que vai pagar a cada clube que militou na temporada 2018/2020 no primeiro escalão do futebol inglês.

O Manchester City de Bernardo Silva e Pep Guardiola, que se sagrou campeão inglês da última jornada, vai receber quase 151 milhões de libras, o que equivale a quase 171 milhões de euros pelos direitos televisivos e pelas receitas comerciais da época.

Mas, os 'citizens' não são o clube que recebe mais dinheiro. O Liverpool de Jurgen Klopp vai arrecadar 152 milhões de libras, ou seja, 172,5 milhões de euros. A diferença de valores deve-se ao facto dos 'reds' terem um maior número de jogos transmitidos em Inglaterra.

Já o Wolverhampton de Nuno Espírito Santo, que terminou a temporada em 7º lugar, recebe cerca de 127 milhões de libras (quase 144 milhões de euros). Enquanto o Everton de Marco Silva, que assegurou o 8º posto, vai encaixar mais de 128 milhões de libras (145,5 milhões de euros).

O último classificado da Premier League, o despromovido Huddersfield, vai receber da Liga Inglesa mais de 96 milhões de libras, ou seja, mais de 109 milhões de euros.

No total, a Liga Inglesa vai 'abrir os cordões à bolsa' e dar quase 2,5 mil milhões de euros aos 20 clubes que militaram na principal divisão britânica esta temporada.

Além dos direitos televisivos e das receitas comerciais da época, a Premier League divide ainda um valor igual para todos os clubes correspondente aos direitos internacionais e comerciais e ao pagamento por mérito.

Os valores que a Premier League paga a cada clube
Os valores que a Premier League paga a cada clube créditos: Premier League

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.