O treinador do Chelsea, José Mourinho, considerou hoje que se vencesse a Liga Europa de futebol consideraria um fracasso, porque isso significaria que tinha sido eliminado da Liga dos Campeões.

Confrontado por um jornalista inglês com os triunfos europeus dos seus antecessores, a Liga dos Campeões por Roberto di Matteo em 2011/12 e a Liga Europa por Rafael Benítez em 2012/13, o técnico português não hesitou na resposta.

«Se ganhar a taça UEFA [Liga Europa], penso que será um fracasso, porque vamos à Liga dos Campeões. Se ganharmos a Liga Europa é porque saímos da Liga dos Campeões na fase de grupos. Pode acontecer, mas não posso dizer isso aos meus jogadores e ao meu clube. E o meu clube não me diz isso a mim, que quer ganhar a Liga Europa, porque não é isso que queremos», justificou.

Durante a primeira conferência de imprensa no campo de treinos dos "blues" em Cobham, no sul de Londres, desde o regresso ao Chelsea, José Mourinho identificou como primeiro objetivo qualificar-se na fase de grupos para conseguir entrar para os oitavos de final.

Porém, denunciou a falta de fair-play financeiro de alguns participantes. «Veremos o que conseguimos fazer numa competição que a cada época que passa tem mais candidatos e mais equipas com ambição, potencial e algumas delas com um potencial económico incrível. Porque, para alguns deles, não há `fair play´ financeiro. Parece que o `fair play´ financeiro é apenas para alguns e não para os outros», lamentou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.