"Espero e confio que o clube vai fazer todos os esforços para o manter", afirmou Seaman, à entrada do Museu Nacional de Futebol, em Manchester, Inglaterra.

O ex-guarda-redes dos ‘gunners’, de 53 anos, afirmou ainda que, por vezes, as mudanças de treinador não são fáceis, dando o exemplo da saída de Alex Ferguson do Manchester United, em 2013.

"Às vezes as coisas não funcionam tão rapidamente. No Manchester United foi um bocado difícil depois da saída de Ferguson. Trocaram muitas vezes de técnico, mas agora têm um bom [o português José Mourinho]. No entanto, o Arsenal já tem um grande treinador", concluiu.

Seaman defendeu a baliza do Arsenal durante 14 épocas - entre 1990 e 2003 -, venceu três campeonatos ingleses, seis Taças de Inglaterra e seis Supertaças Inglesas pelo clube londrino.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.