O Hull City, equipa que subiu à Liga inglesa de futebol, confirmou hoje que o treinador Steve Bruce iniciou conversações com a Federação Inglesa (FA), que procura um novo selecionador.

Steve Bruce é um dos técnicos sondados pela FA, depois de o mesmo ter acontecido com Sam Allardyce, do Sunderland, mas não será, de acordo com a imprensa britânica, um dos preferidos para comandar a seleção. “O clube pode confirmar que Steve Bruce iniciou conversações informais em relação ao cargo de selecionador, apesar de o clube não ter tido nenhum contacto da parte da FA”, refere o Hull City em comunicado.

O treinador, que promoveu a subida do Hull – batendo no ‘play-off’ o Sheffield Wednesday, de Carlos Carvalhal – tinha defendido que o novo selecionador de Inglaterra deveria ser inglês e disse que não havia ninguém mais patriota do que ele.

“Sinto-me honrado que o meu nome seja falado. É o apogeu [de uma carreira] treinar o meu país. Haverá melhor emprego no mundo?”, questionou o técnico de 55 anos, em declarações à rádio BBC.

Além de Steve Bruce e Sam Allardyce, a imprensa fala também das possibilidades de Eddie Howe, treinador do Bournemouth, e do alemão Jürgen Klinsmann, atual selecionador dos Estados Unidos.

A Inglaterra viu saiu o técnico Roy Hodgson, que se demitiu imediatamente após a eliminação nos oitavos de final do Euro2016, frente à surpreendente Islândia (2-1).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.