O treinador do Arsenal, Arsène Wenger revelou a sua perplexidade perante as mais recentes contratações do Chelsea (Torres e David Luiz), no valor de 83 milhões de euros. Isto depois de o clube londrino ter apresentado perdas do mesmo valor no mesmo dia em que fechou o mercado.

«O Chelsea apoia o “fair-play” financeiro, mas, de manhã, anuncia perdas de 70 milhões de libras e, à tarde, compra jogadores por 75 milhões. Onde está a lógica? É algo difícil de compreender», disse o francês.

O “fair-play” financeiro da UEFA determina que os clubes não podem gastar mais dinheiro do que aquele que geram, sob pena de serem impedidos de participar nas competições europeias, e as primeiras sanções podem chegar na época 2014/2015.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.