O administrador da SAD do FC Porto Adelino Caldeira foi hoje condenado a uma pena de multa por agressão ao presidente da Associação de Futebol de Lisboa (AF Lisboa), Nuno Lobo, confirmou o queixoso à agência Lusa.

“Confirmo a sentença, mas não farei comentários até ao final do processo”, disse Nuno Lobo após a decisão de primeira instância do Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa Oeste – Juízo Criminal de Cascais.

A decisão ainda é passível de recurso por parte de Adelino Caldeira e diz respeito a factos ocorridos durante um encontro entre Estoril Praia e FC Porto, na temporada de 2013/14.

Nuno Lobo queixou-se de ter sido agredido pelo administrador da SAD do FC Porto e avançou com uma queixa em tribunal, que teve agora a decisão de primeira instância, volvidos quase oito anos após as ocorrências.

O mesmo tribunal absolveu também o presidente da AF Lisboa de uma queixa de difamação movida pelo FC Porto, após Nuno Lobo ter avançado com a queixa de agressão no encontro disputado em 22 de setembro de 2013.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.