É uma decisão de última hora nas eleições para a presidência do Vitória de Setúbal. A Mesa de Assembleia Geral do clube sadino decidiu aceitar a candidatura de Vítor Hugo Valente.

Segundo avança o jornal O Jogo, o advogado, que tinha visto a sua lista rejeitada por um 'erro grosseiro', poderá afinal candidatar-se a líder da direção do emblema de Setúbal.

O presidente da Mesa de AG, Cardoso Ferreira, explicou que abdicou desta razão em termos jurídicos a bem do clube, face à grave crise que a instituição está a aproveitar.

Desta feita, a corrida à presidência do clube vitoriano terá duas listas a concorrer: a de Vítor Hugo Valente e a de António Santos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.