Boavista e FC Porto já se pronunciaram sobre a possibilidade de se adiar o dérbi portuense entre as duas equipas, marcado para a próxima terça-feira, véspera de São João. Os dois emblemas estão em reunião com as autarquias do Porto e Vila Nova de Gaia, com a PSP e a Liga de Clubes mas ambos são contra uma nova data para o jogo.

Na manhã desta sexta-feira, o FC Porto tinha estranhado todo o alarido a volta do jogo e o seu possível adiamento.

"Sempre que se pensa que é difícil inventar um novo tipo de episódios insólitos no futebol português, surge logo um novo e muito original. Há quase um mês, a 22 de maio, foi divulgado o calendário das últimas dez jornadas do campeonato. Todos os que o consultaram repararam que o dérbi entre o FC Porto e o Boavista tinha sido agendado para 23 de junho, na noite de São João. Passaram várias semanas e ninguém viu qualquer problema. De repente, a menos de uma semana da sua realização, num momento em que as equipas trabalham em função de uma planificação que incluía aquele encontro naquele dia, naquela hora, parece que passa a ser imperativo reagendá-lo", escreveu o FC Porto na sua newsletter diária, lembrando que houve um jogo em Lisboa na véspera de Santo António.

"Alguém consegue explicar como é que um jogo no Porto na véspera de São João é um drama e um jogo em Lisboa na véspera de Santo António, o Sporting-Paços de Ferreira, foi algo perfeitamente pacífico? E alguém compreende como é que se pode colocar em causa um evento realizado num espaço aberto onde cabem mais de 50 mil pessoas e onde só estarão 189, precisamente na mesma cidade e na mesma noite em que haverá o espetáculo 'Deixem o Pimba em Paz0 num espaço muitíssimo mais pequeno e com muito mais gente concentrada?", questionaram os 'dragões'.

Esta tarde, antes da entrada para a dita reunião, Álvaro Braga Junior, presidente da SAD axadrezada, também mostrou-se surpreso com todo o alarido à volta da data do jogo.

"Esta é uma reunião que é pró-forma, porque vamos jogar na terça-feira, seguramente. O jogo foi marcado pela Liga com o acordo das duas sociedades e autorização da PSP. Surpreende-me que tendo sido divulgado o calendário há um mês venham agora colocar problemas. O calendário está esmagado, obrigando as equipas a uma grande exigência física, não me parece que possa haver qualquer adiamento, nem razão isso. Infelizmente não haverá São João nem público nos estádios", disse o lider da SAD axadrezada, à entrada para a sede da Liga.

Para Álvaro Braga Júnior, o pedido das câmaras de Porto e Vila Nova de Gaia pecam por tardia.

"A Câmara do Porto há cerca de um mês queria pôr um ecrã gigante no queimódromo. Era uma perspetiva diferente. Mas vamos conversar e julgo que vamos jogar. Parece-me que o FC Porto também quer jogar. Nós queremos porque não temos datas", recordou.

O FC Porto está representado na reunião por Luís Gonçalves, diretor geral da SAD para o futebol.

O dérbi portuense entre FC Porto e Boavista, da 29.ª jornada, está marcado para às 21h15 do dia 23 de junho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.