Rúben Amorim, treinador do Sporting, analisou o encontro frente ao Tondela na flash à SportTV.

Análise

"Foi uma primeira parte em que controlámos completamente, ao contrário da segunda. Não permitimos transições, tivemos várias oportunidades, fomos fortes em muitos aspectos do jogo e o resultado acaba por ser escasso ao intervalo. No segundo tempo, tentámos chamar o Tondela, que não veio, e oferecemos a bola com a quela pressa de chegar entrelinhas e permitimos transições, o que não é normal porque estávamos em vantagem e não precisávamos de arriscar. Mas foi uma vitória clara."

Entrar em campo sem pontas de lança

"Sabíamos que o Tondela ia apresentar uma linha de cinco defesas, com três centrais muito fortes no jogo aéreo, e tentámos tirar as referências, usando a mobilidade. É verdade também que o Paulinho com amarelo podia ser menos uma opção, porque ainda não sei quem vai jogar com o Benfica, mas foi tudo junto. O Edwards fez uma grande semana, o Sarabia está num grande momento, o Pedro Gonçalves está a crescer e foram eles que me obrigaram a meter», atirou, falando ainda da ausência de Matheus Reis: «Fará falta, é menos uma opção, mas estarão outros jogadores que vão dar resposta."

Sobre a questão de Slimani que falhou o treino de sexta-feira e não foi opção para Tondela.

"Não há caso nenhum, as semanas de treino são longas, os melhores e os que trabalham melhor são convocados. Quem não faz as coisas dentro do nosso caminho tem mais dificuldades, mas não há qualquer caso. Vem aí uma nova semana, o Slimani estará dentro e será opção contra o Benfica."

As palavras de Marcus Edwards no final do encontro frente ao Tondela.

Análise

"Sabíamos que eles iam dar tudo, porque estão a lutar pela manutenção, mas só nos focámos em nós, mantivemos a posse de bola e acabámos por controlar toda a partida (...) Já me estou a abrir um bocado mais, mas toda a gente me ajudou a sentir bem acolhido".

Sobre o triunfo e o encurtar da distância para o FC Porto. "Vamos jogo a jogo, focados em nós e preocupados em levar os três pontos de cada vez."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.