Resumo do Jogo

O atacante natural do Mali marcou aos 45+1 e aos 77, numa altura em que os madeirenses jogavam em inferioridade numérica, pela expulsão de João Gamboa, aos 39, depois de acumulação de amarelos.

Antes, Diego Reyes tinha inaugurado o marcador, aos 19, e o Marítimo ainda recuperado o empate, com um tento de Fábio Pacheco, aos 15.

Sérgio Conceição: "A vitória é justa"
Sérgio Conceição: "A vitória é justa"
Ver artigo

Com este resultado, os 'dragões' mantêm a liderança do campeonato, agora com 39 pontos, os mesmos do segundo classificado Sporting e mais três do que o terceiro classificado Benfica.

Já o Marítimo, com este desaire, interrompeu uma série de cinco jogos sem perder, mas segura o quinto lugar de campeonato, com 27 pontos, mais três do que o perseguidor Rio Ave.

Um Marítimo mais recuado do que o habitual

FC Porto-Marítimo: Sérgio Conceição faz duas alterações no 'onze'
FC Porto-Marítimo: Sérgio Conceição faz duas alterações no 'onze'
Ver artigo

Os madeirenses apresentaram-se para este jogo, com uma defesa 'musculada' com três centrais e cedo se percebeu que iriam apostar numa estratégia de resistência, que até foi funcionando nos primeiros minutos.

Isto porque o FC Porto demorou algum tempo para encontrar a fórmula de abrir brechas no último reduto maritimista, apostando na velocidade nas alas para criar espaços para o remate, em iniciativas protagonizadas por Brahimi e Ricardo, ainda antes do quarto de hora.

Apesar destas tentativas, foi de bola parada que os 'dragões' descortinaram o caminho para o golo, quando, aos 19 minutos, Diego Reyes, na sequência de um canto, saltou mais alto que toda defesa forasteira para assinar o 1-0.

O Marítimo não acusou este inicial revés, e na sua primeira jogada organizada de contra-ataque acabou por 'anular' a festa dos locais, recuperando o empate, aos 25 minutos, por Fábio Pacheco.

O médio surgiu no local certo após assistência de Fábio China, que tinha recuperado uma bola desviada por José Sá após remate de Ricardo Valente, e, com um tiro em jeito, que ainda desviou na defesa portista, estabeleceu o 1-1.

O jogo voltava, assim, ao ponto de partida, com um Marítimo mais de contenção e um FC Porto pressionante a tentar criar roturas e desequilíbrios, numa toada que se foi arrastando.

Uma expulsão inesperada que facilitou o FC Porto a resolver

Aos 39 minutos, os insulares sofreram um duro golpe nas suas aspirações, com a expulsão de João Gamboa, que em menos de dois minutos viu dois cartões amarelos, e deixou a equipa reduzida a dez elementos.

Nesse momento, os comandados de Daniel Ramos destabilizaram-se, e já no período de descontos da etapa inicial, sofreram o segundo golo, por Marega, que aproveitou um soberbo passe de Brahimi para se isolar e 'fuzilar' a baliza do Marítimo para 2-1.

Fábio Pacheco: "O que marcou o jogo foi o golo no final da primeira parte"
Fábio Pacheco: "O que marcou o jogo foi o golo no final da primeira parte"
Ver artigo

A vantagem não conformava os 'dragões' que regressaram do descanso com vontade de dar mais expressão ao resultado, e nos dez minutos após o reatamento quase o conseguiram, nomeadamente num remate de Marega para grande defesa de Charles.

Do outro lado, os madeirenses praticamente não existiam em termos ofensivos, e desde a altura em que marcaram o seu golo, aos 25 minutos, não voltaram a criar verdadeiros apuros para o último reduto do FC Porto.

Já os portistas foram insistindo, mas apesar de conseguirem quase sempre, colocar toda a equipa na área contrária, fazendo a valer a vantagem numérica, não mostravam particular inspiração na altura da finalização.

Brahimi: "Estamos bem, dentro e fora de campo"
Brahimi: "Estamos bem, dentro e fora de campo"
Ver artigo

Essa falha só viria a ser colmatada já aos 77 minutos, quando Marega se assumiu o homem do jogo, e bisou para o 3-1, após nova assistência de Brahimi, num resultado que acabou por se arrastar até ao final da partida.

Natal na liderança

Com este triunfo, o FC Porto passa o Natal na liderança da I Liga de futebol, embora de parceria com o Sporting, ambos com 39 pontos, e que no domingo venceu o Portimonense por 2-0.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.