O movimento ‘Servir o Benfica’ informou hoje que o presidente da Mesa da Assembleia-Geral do clube da Luz validou os votos entregues pelo grupo de sócios e a reunião magna extraordinária vai realizar-se após o final da época.

Em comunicado divulgado na página oficial no Facebook, o movimento revelou ter recebido, na segunda-feira, a resposta do líder da Mesa da AG benfiquista, Rui Pereira, confirmando a “validação” dos 10.000 votos “estatutariamente requeridos para a convocatória” da reunião magna.

“Foi reafirmada na mesma comunicação que a reunião de AG extraordinária será convocada após o final da época desportiva e de acordo com as normas sanitárias que se verifiquem na altura”, refere o comunicado do ‘Servir o Benfica’.

Na publicação, o movimento saudou “a celeridade da resposta e a disponibilidade demonstrada” por Rui Pereira “em contribuir para o debate democrático que só engrandece” o clube e mostrou-se “disponível para colaborar ativamente na organização” da AG.

Por outro lado, o ‘Servir o Benfica’ apelou a que “todos os que assinaram o requerimento que compareçam”, uma vez que “deverão estar presentes dois terços de associados que representem 10 mil dos votos subscritos, ao abrigo do nº 5 do artigo 55º dos estatutos” do clube lisboeta.

De acordo com o que foi anunciado pelo movimento em março, aquando da entrega do requerimento, os pontos propostos a discussão na AG “visam o esclarecimento cabal do processo eleitoral realizado no passado dia 28 de outubro”, bem como “a criação de um regulamento eleitoral que dote processos futuros de maior transparência e independência”, de forma a que “não haja qualquer tipo de dúvida na forma ou no resultado”.

O movimento 'Servir o Benfica', que era liderado por Francisco Benítez, desistiu da candidatura às eleições do Benfica, em outubro do ano passado, para se unir à lista de João Noronha Lopes.

Nas eleições mais concorridas da história do emblema lisboeta, nas quais votaram 38.102 sócios, Luís Filipe Vieira foi reconduzido para um sexto mandato como presidente, recebendo 62,59% dos votos, derrontando João Noronha Lopes (34,71%) e Rui Gomes da Silva (1,64%).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.