O ponta de lança, de 23 anos, marcou, na época passada, seis golos em 27 jogos oficiais pela equipa da Liga ucraniana, nona classificada da prova, e assumiu o objetivo de superar essa marca na presente temporada, ao serviço da formação de Barcelos.

"Tenho a certeza de que fiz a escolha ideal em aceitar o convite do Gil Vicente. Vim para superar a minha marca da temporada passada e ajudar a consolidar o clube na I Liga", lê-se na nota publicada na rede social.

Depois de ter jogado, no Brasil, pelo Nacional, pela Juventus e pelo São Bernardo, clubes do Estado de São Paulo, Renan Oliveira representou, na Europa, o Zlaté Moravce, da Eslováquia, o Mosta, de Malta, e o Vorskla Poltava, da Ucrânia, antes de Lviv e agora Gil Vicente.

O atacante é o 13.º reforço dos 'galos' para a temporada 2020/21, depois do guarda-redes Daniel Fuzato, dos defesas Joel Pereira, Souleymane Aw, Talocha e Tim Hall, dos médios Antoine Léautey, Kanya Fujimoto, Leandrinho, Guilherme Mantuan e Lucas Mineiro e dos avançados Boubacar Hanne e Miullen.

O plantel gilista ia começar o campeonato às 18:30 de sábado, num jogo frente ao Sporting, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, mas ojogo foi adiado devido à pandenia covid-19.

Impedidos de treinar ao longo da última semana, os minhotos contam, até agora, 18 casos de covid-19: 10 em jogadores, cinco em elementos da restante estrutura do futebol, incluindo o treinador principal, Rui Almeida, e três em pessoas alheias ao departamento de futebol profissional.

A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) anunciou, no sábado, que o jogo entre Gil Vicente e Sporting vai realizar-se na semana entre 12 e 16 de outubro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.