Bas Dost tem sido um dos goleadores de serviço em Alvalade. O internacional holandês leva cinco golos em seis jogos e é o melhor marcador leonino. De partida para se juntar à seleção da Holanda, o avançado afirmou que sabe que não pode deixar de marcar golos. O camisola 28 não esqueceu os colegas leoninos que o servem com muito critério.

“Pessoalmente estou satisfeito. É claro que sei que se não fizer golos vai haver pressão. Estou surpreendido com a qualidade da equipa. Jogo com grandes jogadores, que ganharam o último Euro”.

O holandês custou 10 milhões de euros e tornou-se no jogador mais caro da história do Sporting. Após quatro temporadas ao serviço do Wolfsburgo, o jogador afirmou que encontrou um clube onde se sente feliz. Para Bas Dost só falta aprender português.

“O tempo é fantástico. Agora [na Holanda] estou de camisa, pois está a arrefecer, mas em Lisboa ainda não acontece. Só o português... ainda não percebo muito. Das discussões não apanho nada. Nos últimos três anos, no Wolfsburgo, não me diverti. Joguei, mas a situação global não era muito boa”.

Bas Dost foi o escolhido para tentar fazer esquecer Slimani. O ‘gigante’ holandês tem estado a ter um bom inicio de carreira em Alvalade. O avançado é o único reforço indiscutível na equipa de Jorge Jesus.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.