O Benfica considerou que o critério do vídeo-árbitro não foi uniforme num lance protagonizado por Salvio, aos 54' minutos, em que se ficou a pedir grande penalidade.

O lance em questão ocorreu aos 54' minutos quando Salvio tentou passar por Pablo Santos e o defesa central maritimista tocou com o braço na bola no interior da grande área.

"O critério do VAR não é uniforme. O lance de Salvio não foi sancionado", escreveu o clube da Luz através da sua conta do departamento de comunicação nas redes sociais recorrendo a um lance semelhante do Feirense-Paços de Ferreira em que Carlos Xistra e o vídeo-árbitro Bruno Paixão assinalaram grande penalidade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.