Depois de esta manhã ter sido noticiado que a Polícia Judiciária esteve ontem a fazer buscas na SAD do Benfica, os encarnados, em comunicado, dão a sua versão dos factos e dizem que os jornais noticiam «aquilo que não aconteceu».

«Em função do sensacionalismo, da especulação e, finalmente, da falsidade de algumas notícias hoje publicadas na imprensa, a Benfica Futebol SAD vem esclarecer que durante o dia de ontem, uma equipa da Polícia Judiciária esteve no Estádio da Luz solicitando diversa documentação sobre a transferência do atleta Júlio César, nomeadamente sobre os comprovativos de liquidação da mesma ao C.F Os Belenenses SAD, sendo que, ficou claro que o alvo da investigação está a montante do Benfica», revela o comunicado, dando assim a entender que será no clube do Restelo que se centra a investigação.

Neste comunicado, o Benfica frisa ainda que «tudo o que vai para além disto é ficção e a Polícia Judiciária, se assim o entender, poderá confirmá-lo».

Os encarnados lamentam ainda as notícias esta manhã publicadas em alguns jornais, sublinhando que «desinformar é uma prática que apesar de poder interessar a alguns, devia ser evitada pelos jornalistas, principalmente quando está em causa o carácter e a conduta de pessoas», acrescentando, a terminar, que «a Benfica SAD agirá judicialmente para com todos aqueles que de forma grosseira ultrapassaram os limites que o dever de informar impõe».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.