Na sequência da notícia do jornal "Marca", o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, terá confessado que o Benfica pagou pela transferência de Garay 12,5 milhões de euros, valor esse que é mais do dobro daquele que foi falado na altura da transferência, ou seja, 5,5 milhões de euros, apesar de nunca ter sido mencionado em qualquer comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Em sua defesa, o clube da Luz emitiu, esta quarta-feira, um comunicado a confirmar que Ezequiel Garay foi comprado por 5,5 milhões de euros, num contrato válido por quatro épocas.

Leia o comunicado na íntegra:

«A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.o do Código dos Valores Mobiliários e no seguimento de notícias publicadas no dia de hoje na imprensa espanhola, vem esclarecer que o atleta Ezequiel Garay foi transferido a título definitivo do Real Madrid CF pelo valor de 5,5 milhões de euros, tendo o referido atleta celebrado um contrato de trabalho desportivo com a Sociedade por 4 (quatro) épocas desportivas, ou seja, até 30 de Junho de 2015.

Mais se informa que o montante da cláusula de rescisão expressa no referido contrato de trabalho desportivo ascende a 20 milhões de euros.

De referir que, ao abrigo do contrato de aquisição de direitos desportivos e económicos do atleta, o Real Madrid CF terá direito a receber numa futura transferência 50% do valor da mesma».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.