O Benfica reagiu esta segunda-feira em comunicado à notícia veiculada pelo Jornal de Notícias sobre suspeitas de aliciamento a jogadores do Desportivo das Aves na última temporada.

De acordo com a informação veiculada pelo JN, o ministério público e a Polícia Judiciária do Porto estão a investigar o Benfica por aliciamento de jogadores do Desportivo das Aves com a promessa de pagamento de 10 mil euros por atleta no caso de derrota do FC Porto no Estádio do Dragão no jogo da época passada.

Num comunicado com cinco pontos, o Benfica esclarece que a notícia em questão é 'totalmente falsa' e que, "nenhum dirigente do clube [Benfica] cometeu qualquer ilegalidade ou fez qualquer contacto para oferecer qualquer tipo de incentivo ou vantagem nesse citado jogo, ou em qualquer outro jogo a jogadores de outros clubes".

Para além disso, o clube da Luz critica a 'promiscuidade' e a 'instrumentalização' de um título reputado como jornal em questão acusando-o de ser um "instrumento permanente da estratégia de comunicação do FCP" no último ano e meio.

Leia o comunicado do Benfica na íntegra

1. A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD esclarece que são totalmente falsos os factos citados na notícia hoje publicada pelo Jornal de Notícias sob o título "Benfica suspeito de prometer 10 mil euros para vencer o FC Porto", feita com base, segundo a mesma notícia, numa denúncia anónima.

2. Reafirmamos de forma inequívoca que nenhum dirigente do Clube cometeu qualquer ilegalidade ou fez qualquer contacto para oferecer qualquer tipo de incentivo ou vantagem nesse citado jogo, ou em qualquer outro jogo a jogadores de outros clubes.

3. Esclareça-se que nunca o Sport Lisboa e Benfica, nem nenhum dos seus dirigentes ou agente desportivo do Clube, foi confrontado ou sequer ouvido sobre o tema que consta na referida notícia.

4. A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD reafirma a sua serenidade sobre esta matéria, tanto mais que foi por sua iniciativa que solicitou às entidades competentes uma investigação rigorosa a todos os jogos realizados nas últimas 5 épocas.

5. Lamentamos, por fim, assistir à forma sistemática como um título reputado como o Jornal de Notícias se tem transformado neste último ano e meio num instrumento permanente da estratégia de comunicação do FCP, facto percetível até pela promiscuidade existente entre jornalistas com cargos de direção editorial do referido jornal, que não se eximiram de exibir a sua presença e participação nos festejos mais privados do staff do referido clube, no título conquistado na última época. Felizmente uma instrumentalização e promiscuidade sem paralelo nos media nacionais.

Lisboa, 13 de agosto de 2018

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.