O treinador do Benfica, Jorge Jesus, admitiu esta sexta-feira que a equipa poderá entrar algo ansiosa no jogo de domingo, mas sempre com «a responsabilidade de vencer».

«Por ser o primeiro jogo na Luz e depois de termos perdido na Madeira, vai entrar um bocadinho ansiosa, tal como adeptos. Poderá ser estratégia do Gil Vicente trabalhar em função do Benfica nos primeiros minutos não poder marcar e essa ansiedade ser transportada para os  jogadores. Como equipa, estamos preparados para isso», afirmou o treinador em conferência de imprensa no Seixal.

O técnico admite, ainda, que poderá operar algumas alterações no jogo com os minhotos.

«Cada jogo tem uma história, os jogadores semana a semana vão dando indicações melhores e é normal que no jogo com o Gil possa fazer uma ou duas», confirmou, adiantando ainda que Funes Mori ainda não entrará na convocatória.

«Funes Moris neste momento não esta em condições físicas para poder fazer parte da convocatória», confirmou.

Mais uma vez, não faltou a pergunta sobre Oscar Cardozo. O treinador do Benfica disse que Moris tinha carateristicas diferentes de Lima, Rodrigo e Djuricic, mas na altura não salientou o paraguaio. No entanto, reforçou a ideia de que este será reintegrado no plantel quando estiver com os «indices fisicos» necessários.

«O Cardozo chegou depois de termos começado a pré-época, como outros, Melgarejo, Ola John, que chegaram com cinco semanas de atraso. Depois houve o processo disciplinar. Dois meses e uma semana. Neste momento está a trabalhar individualmente para que possa recuperar rapidamente os indices físicos dele para ser reintegrado quando estiver com condições», frisou.

O Benfica recebe domingo o Gil Vicente, em jogo da segunda jornada da Liga, agendado para as 17h45.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.