“Um clube como o Sporting tem sempre obrigação de fazer mais e melhor, o que significa ganhar. É para ganhar que todos estamos imbuídos e é para ganhar que o grupo está preparado”, disse o presidente ‘leonino’ em declarações ao site do clube, no dia em que a equipa de futebol profissional regressou ao trabalho.

Nesse sentido, Bettencourt enaltece o trabalho realizado até aqui pelo departamento de futebol profissional: “Aproveitámos muito bem esta pré-época mais prolongada, não só em termos da equipa e dos jogadores, mas acima de tudo no espírito de corpo que estamos a criar”.

O líder sportinguista apelidou de “muito proveitoso” este defeso, no qual foi possível “limar muitas arestas”, além de “reorganizar e preparar um grupo novo”, no sentido de o futebol “alcançar os mesmos êxitos que tiveram outras modalidades” durante a época em curso.

“Foi um ano muito positivo do ponto de vista do nosso compromisso com o ecletismo, somámos vitórias muito importantes no atletismo, no andebol, no futsal, na natação, no judo”, lembrou Bettencourt, convicto de que, “com o apoio dos sócios”, o Sporting “vai também fazer uma boa época no futebol profissional”.

O presidente reforça mesmo essa ideia: “É nisso que estamos apostados e é nisso que vamos vender muito caro o nosso trabalho e o nosso desempenho para bem do Sporting e dos sportinguistas”.

A concluir, Bettencourt pediu o “apoio dos sócios”, depois de um “ano atípico por inúmeras razões de que não vale a pena falar”, prometendo-lhes que irá “trabalhar 24 horas por dia a pensar neles”, cujo apoio considera “fundamental para que o grupo se sinta cada vez mais forte e as ambições sejam cada vez mais legitimadas”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.