O Sporting de Braga disse hoje que será o Atlético de Madrid a resolver a situação do avançado nigeriano Samson, caso este não regresse ao clube minhoto da Liga portuguesa de futebol.

Num esclarecimento colocado no seu sítio oficial, os responsáveis “arsenalistas” lembram que Samson assinou um contrato com o Sporting de Braga no passado mês de agosto, com uma duração de uma época, a título de empréstimo do Atlético de Madrid.

«O atleta foi oficializado, tendo integrado as sessões de trabalho com o restante grupo sem qualquer problema da parte do jogador ou para com qualquer elemento do clube. Cumprida uma semana de trabalho, ausentou-se com conhecimento do Sporting de Braga para se deslocar ao Vietname a fim de resolver assuntos pessoais, não tendo ainda na presente data regressado aos trabalhos», relata a nota.

Hoje, a imprensa portuguesa, citando o jornal vietnamita VNExpress, diz que Samson já não regressa a Braga porque não conseguiu anular o contrato que teria assinado com o Hanoi T&T, daquele país asiático, antes de chegar a acordo com o Atlético de Madrid.

O Hanoi T&T terá avançado com uma queixa na federação do Vietname exigindo ao clube espanhol cerca de 1.5 milhões de euros como compensação por Samson ter quebrado um contrato de três anos e o certificado internacional do jogador ficou retido, sendo que agora o jovem avançado nigeriano deverá mesmo jogar no Hanoi T&T.

«Face a esta situação, não podendo o Sporting de Braga contar com a prestação do atleta e de forma a proteger o bom relacionamento institucional entre clubes, contactou o Atlético de Madrid, tendo ficado acordado que a resolução da presente situação seria da sua responsabilidade», conclui o comunicado bracarense.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.