Os portões da casa de Adelino Caldeira, administrador da SAD do FC Porto, foram alvo de vandalismo esta segunda-feira, com frases de contestação.

"Abutre e comissionistas. Acorda Porto!!!" e “Não terás sossego até pedires a demissão" são algumas das frases que foram escritas nos portões da residência de Adelino Caldeira, surgindo pintada a data alusiva à fundação da claque Super Dragões. As frases foram removidas de imediato.

Esta não é a primeira vez que o administrador está na mira da claque. Em janeiro passado, depois de o FC Porto ter empatado com o Paços de Ferreira, na Mata Real, à passagem da 16.ª jornada da Liga, a fachada do prédio do escritório de advogados de Adelino Caldeira também foi alvo de um ataque do género.

Na altura, foram também vandalizados o restaurante de Alexandre Pinto da Costa, filho do presidente portista. A casa de Pinto da Costa também já tinha sido vandalizada a de 16 de maio.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.