O Sporting prometeu recorrer à justiça devido à saída de João Mário para o Benfica, apesar do ex-jogador leonino, quando saiu para o Inter de Milão, ter uma cláusula antirrivais.

Os leões preparam-se para apresentar a queixa à FIFA e ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) e, de acordo com o jornal 'Record', tem um caso recente que pode jogar a seu favor.

A FIFA condenou o Torino a pagar 1,5 milhões de euros ao Osasuna, depois de Álex Berenguer ter sido vendido ao Atlético de Bilbau. Até aqui nada de novo, não fosse o facto de, quando o jogador rumou para Itália, o seu contrato ter prevista uma cláusula que o impedia de representar o rival.

O Osasuna recorreu à FIFA e a FIFA deu-lhe razão, obrigando o Torino a pagar a indeminização aos espanhóis, uma decisão, contudo, sobre a qual os italianos podem recorrer para o TAS.

Este é o caso que, de acordo com a maioria da imprensa nacional, o Sporting encara como argumento forte para defender o seu caso. A queixa está a ser finalizada e deverá ser apresentada pelos leões nos próximos tempos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.