“A AFL comemora este ano o 100.º aniversário e, para nós, era muito importante que o Presidente da República apresentasse disponibilidade para o cargo e para estar presente no jantar de gala de encerramento das comemorações (23 de Setembro) ”, disse Carlos Ribeiro, no final do encontro com Cavaco Silva, que decorreu no Palácio de Belém.

Segundo Carlos Ribeiro, o presidente da República aceitou presidir à comissão de honra e disse que iria ponderar “devidamente” a sua presença no jantar de gala.

De fora do encontro ficou a questão da adequação dos estatutos da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ao novo Regime Jurídico das Federações Desportivas (RJFD).

Em declarações aos jornalistas, Carlos Ribeiro reiterou a disponibilidade da AFL em contribuir para o desbloquear da situação e anunciou uma reunião da Comissão Delegada das Associações Distritais e Regionais de Futebol para 19 de Fevereiro, na sede da FPF.

“A nossa posição é de abertura. A AFL esteve representada numa reunião que decorreu esta semana na FPF e começou-se a trabalhar sobre os novos estatutos e a adaptação que possa vir a ser feita”, adiantou.

O novo modelo de estatutos foi rejeitado pela Assembleia Geral da FPF realizada a 18 de Julho de 2009, numa clara oposição das associações distritais e regionais ao novo articulado do RJFD.

O diploma determinava a adequação das federações desportivas até 27 de Julho de 2009, mas, na sessão magna da FPF, 20 das 22 associações distritais e regionais inviabilizaram o projecto, que recebeu apenas quatro votos favoráveis (Liga, associação de Aveiro, sindicato dos jogadores e associação dos treinadores) e a abstenção da representação dos árbitros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.