O Chelsea está disposto a pagar os 15 milhões de euros exigidos pelo FC Porto para libertar André Villas-Boas.

Segundo a edição desta segunda-feira do Jornal de Notícias, o jovem técnico portista, de 33 anos, é o grande desejo do milionário russo Roman Abramovich para levar o Chelsea de novo ao topo do futebol inglês.

Depois de ter contratado José Mourinho aos dragões em 2004, por cerca de seis milhões de euros, Abramovich prepara-se agoara para pagar os 15 milhões de euros que constam na cláusula de rescisão.

Apesar de repetidas declarações de fidelidade ao FC Porto, André Villas-Boas poderá não resistir ao aliciante salário de cinco milhões de euros por ano que o russo irá apresentar, semelhante ao que pagou ao 'Special One' aquando da sua aquisição no Verão de 2004.

A época de sonho na estreia ao leme do FC Porto cativou Abramovich, que não esqueceu os quatro títulos alcançados por Villas-Boas e manteve sempre o técnico na mira, depois da saída do italiano Carlo Ancelotti.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.